Brigada Militar se renova e prepara digitalização de processos criminais

A Brigada Militar apresentou o Sistema de Gerenciamento Correcional (SGC/BM) em consonância com a utilização do sistema EPROC (processos digitais), pela Justiça Militar do Estado, nos processos criminais. O corregedor-geral, coronel Carlos Armindo Thomé Marques, fez a apresentação na segunda-feira (01/10), no auditório do Quartel-General da corporação.
 
O novo sistema de digitalização de procedimentos e processos, controle e gerenciamento de todo o sistema de correição, será utilizado pela Brigada Militar a partir do dia 07 de janeiro de 2019, atendendo determinação do Comando.  A Corregedoria-Geral da BM vem trabalhando na construção e consequente implantação do SGC. 
 
O EPROC é considerado pelos usuários um sistema consolidado pela agilidade e pelas funcionalidades. Além disso, representa economia para a gestão pública e sustentabilidade, pois dispensa o uso de papel e insumos para a impressão. Outro benefício é a disponibilidade do sistema online, 24 horas por dia, a partir de qualquer local com acesso à internet. 
 
Participaram do ato o presidente do Tribunal de Justiça Militar do Estado do Rio Grande do Sul, juiz coronel Paulo Roberto Mendes Rodrigues, o corregedor do JME, Amílcar Macedo, o comandante-geral da BM, coronel Mário Yukio Ikeda, o subcomandante coronel Eduardo Biacchi Rodrigues, além de oficiais integrantes do Conselho Superior da BM.
 

Comunicação Social/EMBM
Texto: Clelia Admar 

Visitantes:
Visitantes: 
Desenvolvido por Departamento de Informática da Brigada Militar© Copyright 2016, Todos os Direitos Reservados